ESTUDO COMPARATIVO DO CRESCIMENTO DE Allium sativum EM DIFERENTES SUBSTRATOS

  • André Roberto Machado Vieira Faculdade Ciências da Vida
  • Caio Luís Ramos Mendes Faculdade Ciências da Vida
  • Natália Cristiane da Rocha Beraldo Faculdade Ciências da Vida
  • Edina da Conceição Rodrigues Pires Faculdade Ciências da Vida
  • Fernanda Pereira Guimarães Faculdade Ciências da Vida

Resumo

Devido à crescente conscientização sobre a auto sustentabilidade, a compostagem orgânica ganhou destaque por ser um processo relativamente simples. A compostagem propicia um destino útil para os resíduos orgânicos, evitando sua acumulação em aterros e melhorando a estrutura dos solos. Neste contexto, é válido questionar se o composto proveniente da compostagem realizada na Faculdade Ciências da Vida garante o crescimento vegetal do Allium sativum tal como o substrato vegetal comercial. O trabalho apresentou como objetivos específicos: analisar massa fresca e seca do alho em cada canteiro após 60 dias de crescimento. Os resultados obtidos nesse experimento mostram que o uso exclusivo da compostagem na horta orgânica promove um menor ganho de massa fresca e seca do A. sativum quando comparados ao uso de substrato vegetal comercial. Como alternativa de diminuir gastos, o uso da terra vegetal comercial misturada com a compostagem é o mais qualificado.
Publicado
2018-05-29
Como Citar
VIEIRA, André Roberto Machado et al. ESTUDO COMPARATIVO DO CRESCIMENTO DE Allium sativum EM DIFERENTES SUBSTRATOS. Revista Brasileira de Ciências da Vida, [S.l.], v. 6, n. Especial, maio 2018. ISSN 2525-359X. Disponível em: <http://jornal.faculdadecienciasdavida.com.br/index.php/RBCV/article/view/790>. Acesso em: 19 out. 2018.

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

##plugins.generic.recommendByAuthor.noMetric##