PREDIÇÃO IN SILICO DOS INICIADORES PARA DETECÇÃO DO MAYARO VÍRUS

  • Aline Soares dos Reis Faculdade Ciências da Vida
  • Dajara Moana Barbosa Moreira Faculdade Ciências da Vida
  • Mariana Lázaro Sales Faculdade Ciências da Vida

Resumo

O vírus Mayaro é o agente etiológico responsável pela Febre do Mayaro, cujos os sinais clínicos incluem febre, dor de cabeça, dor retro-orbital, artralgia, mialgia, vômitos, diarreia e erupções cutâneas. Devido a semelhança clínica, esta enfermidade é comumente confundida com a dengue e a febre Chikungunya. As investigações moleculares são importantes tanto para o conhecimento da epidemiologia molecular do vírus, suas mudanças ao longo dos anos, como também para o desenvolvimento de um diagnóstico sensível e específico da doença. O objetivo do estudo foi a análise in silico do genoma do MAYV e o desenho de iniciadores para uma RT-PCR para a detecção do vírus. Os iniciadores amplificam uma região de 787pb do gene para as proteínas não estruturais, apresentando uma alta especificidade realizando um alinhamento com o banco de dados do GenBank (NCBI), obtendo uma baixa formação de dímeros.
 
 PALAVRAS-CHAVE: Primer. Bioinformática. Mayaro vírus.
Publicado
2018-04-27
Como Citar
REIS, Aline Soares dos; MOREIRA, Dajara Moana Barbosa; SALES, Mariana Lázaro. PREDIÇÃO IN SILICO DOS INICIADORES PARA DETECÇÃO DO MAYARO VÍRUS. Revista Brasileira de Ciências da Vida, [S.l.], v. 6, n. Especial, abr. 2018. ISSN 2525-359X. Disponível em: <http://jornal.faculdadecienciasdavida.com.br/index.php/RBCV/article/view/773>. Acesso em: 17 ago. 2018.

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

##plugins.generic.recommendByAuthor.noMetric##