O PROFESSOR DE APOIO PARA A EDUCAÇÃO INCLUSIVA EM UMA ESCOLA PÚBLICA DE SETE LAGOAS

  • Rhainer Henrique Henrique faculdade Ciências da vida
  • Luciana Cassino faculdade Ciências da vida

Resumo

O presente artigo tem como objetivo, identificar, a partir de um estudo de caso, qual a formação e o papel do professor de apoio e quais fatores referentes à sua formação dificulta a realização do seu trabalho frente à atualização da educação junto à inclusão escolar em uma instituição de ensino pública da região de Sete Lagoas/MG. A coleta de dados foi realizada através de uma entrevista aberta, direcionada ao tema principal proposto na pesquisa, com 6 (seis) professores de apoio da instituição, que oferecem suporte aos alunos com necessidades educacionais especiais em diferentes séries. Utilizamos como referência estudos feitos por autores que buscam relacionar a inclusão e a formação dos professores entre os profissionais da educação. De acordo com a pesquisa os educadores enfrentam dificuldades no exercício da sua profissão devido à má formação que obtiveram durante a graduação, e a precariedade de recursos fornecidos a instituição, como material especifico para cada aluno e sua respectiva necessidade.  O resultado da pesquisa aponta para a necessidade de um maior comprometimento do Estado em estabelecer parâmetros mínimos para atuação do professor de apoio o auxiliando com recursos e com formação complementar para que exerça sua função frente ao aluno com deficiência.
Publicado
2017-12-15
Como Citar
HENRIQUE, Rhainer Henrique; CASSINO, Luciana. O PROFESSOR DE APOIO PARA A EDUCAÇÃO INCLUSIVA EM UMA ESCOLA PÚBLICA DE SETE LAGOAS. Revista Brasileira de Ciências da Vida, [S.l.], v. 6, n. 1, dez. 2017. ISSN 2525-359X. Disponível em: <http://jornal.faculdadecienciasdavida.com.br/index.php/RBCV/article/view/446>. Acesso em: 26 maio 2018.

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

##plugins.generic.recommendByAuthor.noMetric##