PERFIL DE RESISTÊNCIA DA BACTÉRIA ESCHERICHIA COLI A ANTIBIÓTICOS EM INFECÇÕES DO TRATO URINÁRIO EM UM LABORATÓRIO DE CURVELO/MG

  • Thais Brandao Rocha Faculdade Ciências da Vida
  • Fernanda Amaral Resende

Resumo

A Escherichia coli é a principal bactéria causadora das infecções do trato urinário (ITU). Para tratamento de tais infecções, os antibióticos geralmente são prescritos empiricamente antes da identificação do agente etiológico e do resultado do antibiograma, o que gera o uso inadequado desses medicamentos propiciando o surgimento de bactérias resistentes. Diante do exposto, o presente estudo tem como objetivo geral traçar o perfil de resistência da Escherichia coli a antibióticos utilizados em infecções do trato urinário de pacientes atendidos no Laboratório Hemocentro da cidade de Curvelo do estado de Minas Gerais, com base em uma pesquisa documental, quantitativa e descritiva. Foram analisados 4.726 prontuários de pacientes atendidos entre janeiro de 2015 a dezembro de 2016, dos quais 3.929 foram negativas, 48 amostras foram consideradas contaminadas e 749 positivas. Dentre as positivas, a Escherichia coli foi à bactéria mais prevalente (67,4%). Dos antimicrobianos testados, a ampicilina apresentou o maior índice de resistência a Escherichia coli (44,4%), seguido pelo sulfametoxazol/trimetoprima (32,7%), norfloxacino (23,6%) e ciprofloxacino (19,4%). Por outro lado, vários antibióticos apresentaram ótima sensibilidade à Escherichia coli como a amicacina (98,2%), ceftriaxona (97,8%), nitrofurantoína (96,0%), amoxicilina associada ao ácido clavulânico (93,9%) e gentamicina (92,9%). Os resultados obtidos através desse estudo são extremamente úteis na orientação da terapia antibiótica segura e eficaz visto que o perfil de resistência varia de região para região e a informação e conscientização de profissionais da saúde e pacientes é uma forma de tentar reduzir índices de bactérias multirresistentes.
Palavras-chave: Escherichia coli, Infecção do Trato Urinário, Antibióticos.
Publicado
2017-12-14
Como Citar
ROCHA, Thais Brandao; RESENDE, Fernanda Amaral. PERFIL DE RESISTÊNCIA DA BACTÉRIA ESCHERICHIA COLI A ANTIBIÓTICOS EM INFECÇÕES DO TRATO URINÁRIO EM UM LABORATÓRIO DE CURVELO/MG. Revista Brasileira de Ciências da Vida, [S.l.], v. 5, n. 5, dez. 2017. ISSN 2525-359X. Disponível em: <http://jornal.faculdadecienciasdavida.com.br/index.php/RBCV/article/view/357>. Acesso em: 24 jan. 2018.

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

##plugins.generic.recommendByAuthor.noMetric##