PSICOLOGIA E MUSICOTERAPIA NO TRATAMENTO DE IDOSOS COM DEMÊNCIA DE ALZHEIMER

  • PAULA SILVA BARBOSA FACULDADE CIÊNCIAS DA VIDA
  • Mariana Mariana Cotta orientadora

Resumo

A utilização da música tem sido alvo de pesquisas relacionadas à saúde. A Musicoterapia é uma intervenção requerida no tratamento de diversas condições clínicas devido à sua ação benéfica com a aplicação do complexo musical. Como abordagem não farmacológica integra o grupo de terapias, junto à Psicologia, envolvidas no tratamento da Demência de Alzheimer (DA). O objetivo desse artigo foi investigar a literatura para conhecer a contribuição da Musicoterapia no tratamento multidisciplinar de idosos com DA. Para tanto, foi realizada pesquisa bibliográfica selecionando-se trabalhos publicados, indexados na base de dados, Scielo, Pepsic e BVS-Psi e outras fontes. No total 38 artigos foram selecionados de acordo com a metodologia delineada. Os resultados obtidos mostram que a Musicoterapia é uma intervenção que utiliza aspectos como melodia, harmonia e ritmo estimulando áreas cognitivas, afetivas e sociais de idosos com Alzheimer. Conclui-se que é uma terapia importante para auxiliar no tratamento multidisciplinar desses idosos com demência, além de fazer uma interface com a Psicologia, ampliando assim, as estratégias de apoio ao processo da Demência de Alzheimer.

##submission.authorBiography##

##submission.authorWithAffiliation##
ESTUDANTE DE PSICOLOGIA DA FACULDADE CIENCIAS DA VIDA
Publicado
2017-07-17
Como Citar
BARBOSA, PAULA SILVA; COTTA, Mariana Mariana. PSICOLOGIA E MUSICOTERAPIA NO TRATAMENTO DE IDOSOS COM DEMÊNCIA DE ALZHEIMER. Revista Brasileira de Ciências da Vida, [S.l.], v. 5, n. 3, jul. 2017. ISSN 2525-359X. Disponível em: <http://jornal.faculdadecienciasdavida.com.br/index.php/RBCV/article/view/284>. Acesso em: 17 nov. 2017.

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

##plugins.generic.recommendByAuthor.noMetric##